Skip to content

Secrets – Herbie Hancock

26/11/2006

14º álbum desse fantástico pianista de jazz, lançado em 1976, Secrets é um pouco diferente do que os anteriores, apesar de ser uma “evolução” natural.

Diferentemente de outros álbuns, ele lida um pouco mais com o ‘eletric funk’ e o fusion, apesar de ser um pianista conhecido por ser jazz. Mas, como é um artista que se reinventou muito até hoje, é natural a mudança.

A primeira música do disco é fantástica e já mostra para o que veio, com diversas variações e improvisações sobre o tema. É delicioso de ouvir! Porém alguns podem achar a música um pouco repetitiva. Apesar da vertente funk, Hancock não deixa de ser um pianista de jazz, o que faz com que, quem não está acostumado com o estilo, ache que tudo é um pouco igual (já que o jazz é feito de variações sobre um mesmo tema). Para mim, essa música vale cada segundo de audição.

O disco, em seu desenvolver, melhora. No “lado B” (isso é pra quem está acostumado com vinil), as composições vão se tornando mais criativas porém mais voltadas ao jazz. Pra quem não gosta muito, pode achar cada música um pouco comprida demais. Isso é estilo, e Hancock faz isso como ninguém.

A banda que o acompanha é fantástica. Os poucos registros de vocal são ótimos, mas poderiam ser mais freqüentes.

Em resumo, é um CD que vale a pena, mas não pra quem quer conhecer o Herbie que fez sucessos como Cantaloupe Island ou Watermelon Man. É um disco pra quem ta afim de ouvir algo diferente, com outra vertente, com muito ‘wha wha’ e pianos elétricos, além do groove do funk.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: